Declaração de Voto

    bigstock-Toll-free-54203771-300x300


    DECLARAÇÃO DE VOTO

    Na reunião de Câmara realizada em 14 de Abril de 2015, aquando da análise da proposta apresentada pela Resitejo quanto à metodologia de imputação da dívida da empresa aos Municípios associados, a CDU solicitou a seguinte documentação:cdu 1 – Cópias das contas entregues nas finanças e demostração dos resultados da empresa nos últimos cinco anos;
    2 – Cópias dos contratos de empréstimos bancários, respectivos concursos, autorizações dadas pelas autarquias, condições de empréstimos e respectivas garantias;
    3 – Cópias dos dados financeiros dos projectos executados na Resitejo, desde a sua criação até à data, as fontes de financiamento e compromissos financeiros que daí resultam:
    4 – Informações sobre as empresas que actuam no espaço da Resitejo, quer no âmbito da EGSRA, quer no âmbito de outros contratos de cedência de instalações ou espaços, respectivas autorizações dos municípios para que tal tenha sido concretizado;
    5 – Cópias dos relatórios das inspecções ambientais e financeiras dos últimos cinco anos;
    6 – Informação sobre os processos jurídicos em curso, que envolvem a Resitejo ou qualquer outra empresa que actue nas intalações ou espaços da Resitejo;
    7 – Declaração escrita da Resitejo em que esteja patente que nenhum membro da sua direcção ou administração delegada se encontra envolvido directa ou indirectamente nas empresas que estão a actuar nas instalações ou espaços da Resitejo.
    Posteriormente através de uma comunicação datada de 11 de Maio de 2015, a Resitejo remete-nos para a consulta do site da empresa, mas no referido site apenas se encontra disponível informação sobre o 1º ponto.
    Os documentos solicitados são essenciais para o esclarecimento das nossas dúvidas de forma a permitir uma análise coerente sobre a matéria. Desta forma a CDU vota contra a recomendação apresentada pelo PSD, que visa a realização de uma auditoria funcional e financeira à Resitejo, por não termos ainda os documentos solicitados , sem os quais não estão reunidos todos os dados e elementos que nos possibilitem uma decisão consciente e fundamentada sobre a referida proposta. Deste modo aguardamos os referidos documentos para depois nos prenunciarmos sobre a matéria.
    Torres Novas, 14 Julho 2015
    Os eleitos da CDU na Assembleia Municipal de Torres Novas

     

    Autor: 

    Fonte: 

    Data: 2016-07-14